segunda-feira, agosto 29, 2005

The Twenty Million Dolllar Question

Quando é que se vai começar a discutir a possibilidade de saírmos do EURO?

6 Comentários:

Às 29 agosto, 2005 23:48 , Blogger Tonibler disse...

Ui, essa vale mesmo muito...

Vinda de um PS, então, vale 20 milhões de euros...

 
Às 30 agosto, 2005 00:30 , Anonymous elisiario figueiredo disse...

Caro Mário Garcia

Não pessa aos nossos políticos para pensarem, até porque cada vez que eles pensam?

Vai ser a Europa, mais ano menos ano, a solicitarem o favor de nós abandonar-mos a moeda única.

Como você diz

É o DESCRÉDITO

 
Às 30 agosto, 2005 08:30 , Blogger Pedro Sá disse...

Nem pensar nisso. Seria uma calamidade.

 
Às 30 agosto, 2005 11:26 , Blogger Tonibler disse...

Concordo. Pensassem nisso antes de meter o pessoal no grande sonho europeu. Agora que percebem que o grande sonho europeu é encarar Portugal como hoje encaramos a Foz do Arelho é que lhes dói?

Com sorte, com a discussão da constituição isto volta tudo ao mercado único de onde nunca deveria ter saído. Agora, ir-mos nós a Bruxelas com a conversa 'bem, foi um prazer mas vamos embora que estes senhores querem-se ir deitar...', azar!

Não lhes disseram claramente que eram fronteiras, depois moeda e depois o resto?

 
Às 30 agosto, 2005 14:49 , Blogger Rui Pedro Nascimento disse...

Ó Mário, passaste-te???

Queres que o país abra falência?

Devia ser lindo ver as taxas de juro! Ele há com cada um...

 
Às 30 agosto, 2005 15:02 , Blogger Tonibler disse...

Bem, o país também não ia à falência nem morria ninguém por causa disso.

Aliás, ainda continuo sem perceber que aquilo que o pessoal quer é Portugal país independente ou Portugal região saudável. Porque Portugal país independente rico não vai acontecer nunca no quadro da UE. É isto que está presente nos 90% de portugueses que gostam muito do 'grande ideal europeu'? Não sei.

Acho que a questão do Mário Garcia está muito bem colocada e penso que a esmagadoria maioria das pessoas não entende exactamente o alcance das opções tomadas até agora relativamente à europa.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial