segunda-feira, novembro 12, 2007

Já que todos falam no assunto...

Tenho apenas a dizer que:

1.Hugo Chávez mais uma vez provou ser um perfeito idiota (e malcriado).

2. A reacção do Rei de Espanha foi verdadeiramente ridícula, parecendo, como afirma o Pedro Marques Lopes, um marialva empedernido. Aquela do "por qué no te callas" foi uma perfeitamente evitável demonstração de arrogância, talvez por ser rei se julgue acima da plebe.

3. Chávez não tem razão nenhuma quando vem dizer que foi eleito ao contrário de Juan Carlos. A Constituição espanhola que consagra a monarquia como forma de governo foi aprovada por uma assembleia constituinte eleita pelo povo e por este ratificada através de referendo.

Etiquetas:

3 Comentários:

Às 14 novembro, 2007 05:32 , Blogger Paulo Alves disse...

Apesar de discordar parcialmente da leitura, parece-me aceitável que alguém de esquerda - e que se quer manter por lá - não queira branquear Chávez. Mas mal vai a "sua" esquerda quando muitos, Rui Tavares, João Soares e pai, etc, se interessam por encontrar razões para Chávez não se ter calado. Eu não o quereria na minha "família", tanto como não desejo Bush.

 
Às 14 novembro, 2007 20:19 , Blogger Pedro Sá disse...

Antes defender Bush que Chávez, como é evidente. E por muito que deteste Bush.

 
Às 15 novembro, 2007 19:07 , Anonymous max disse...

E que tal não defender nem um nem outro? :)

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial