quarta-feira, julho 20, 2005

O Perigo

No seu habitual artigo no PÚBLICO, Paulo Castro Rangel apresenta-se muito claramente como mais um militante do PSD a defender a inexistência de legitimidade do Governo PS.

Lê-se muito claramente nas entrelinhas que defende expressamente que um eventual Presidente da República de direita dissolva a Assembleia da República a seu belo prazer e, explicitamente, que transforme o regime num semipresidencialismo à francesa.

Absolutamente inaceitável. Os caros leitores percebem desde já o perigo que seria eleger um Presidente de direita em qualquer circunstância ?

1 Comentários:

Às 20 julho, 2005 16:22 , Blogger AA disse...

Cunhal disse-o da mesma maneira quando ficaram na contenda Freitas e Soares...

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial