quarta-feira, julho 20, 2005

Ministros...

Têm sido notícia dois dos principais Ministros de José Sócrates, um pela entrevista que hoje concedeu ao DN, outro pelo artigo de opinião no «Público» deste fim-de-semana.

Em relação a Freitas do Amaral, o nervosismo parece estar ligado à confirmação da sua disponibilidade para se candidatar a PR contra Cavaco.

Mas o artigo de Campos e Cunha é bastante mais grave.

O Ministro das Finanças escreveu num dos principais jornais nacionais um artigo onde apresenta as mais sérias dúvidas sobre o Programa de Investimentos Públicos anunciados pelo seu próprio Governo.

É uma posição pessoalmente aceitável (e, porventura, até compreensível, tendo em conta a 'escola' monetarista do Professor).

Mas, politicamente, é inaceitável.

Num País a sério, uma de duas coisas aconteceriam inevitavelmente.

Ou o Ministro das Finanças apresentaria a sua demissão ao 1º Ministro - por defender uma política contrária ao do Governo e por manifesta inabilidade política;

Ou o PS, partido que sustenta politicamente este Governo, estaria a pedir uma de duas cabeças: ou a do Ministro das Fimanças, ou a do próprio 1º Ministro.

Mas isto era se vivessemos num País a sério.

Assim, é o DESCRÉDITO...

3 Comentários:

Às 20 julho, 2005 21:49 , Blogger Pedro Sá disse...

Mário parecia que estavas a adivinhar...

 
Às 20 julho, 2005 23:45 , Blogger André disse...

Já se pisgou...

 
Às 20 julho, 2005 23:48 , Blogger Mario Garcia disse...

É para verem o peso político deste Blog!!!!!!!!

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial