quinta-feira, julho 10, 2008

Sábias palavras de Adriano Moreira

Sobre aqueles que só criticam. Sempre.

Parecem ter muito mais trabalho do que quem as faz. É a legião que, depois das decisões e dos efeitos, sugere a outra cois. Nunca antes. Depois. Analisam, discutem, acrescentam, tiram, lamentam. Fica-lhes claríssimo que devia ser de outra maneira. Descobrem sempre que a outra coisa era a indicada. Para o passado. Para o futuro, esperam. De erro em erro, assim lhes parece o mundo depois de acontecido. A monarquia errada. A república errada. A ditadura errada. A democracia errada. A guerra errada. A paz errada. Sempre o mau caminho, a decisão pior, a palavra imprópria, a obra dispensável. Aos outros cabe decidir, entre mil caminhos, seguir por um. Naquele dia. No exacto instante. Fazendo do trabalho comentário, e da acção a prece. Sabendo dos riscos e a confiar em que os outros depois farão melhor. Tomando a responsabilidade do erro para não ter a da inacção.

4 Comentários:

Às 12 julho, 2008 13:14 , Blogger Joshua Lyman disse...

Muito bom Pedro
Onde descobriste a citação ?
Abraço

 
Às 12 julho, 2008 14:10 , Blogger JPT disse...

vinha exactamente dizer e perguntar o acima referido. OBrigado pelo post

 
Às 12 julho, 2008 15:32 , Blogger Pedro Sá disse...

Num livro de outro autor que estou a ler para a minha fase de acesso ao doutoramento.

 
Às 10 agosto, 2008 19:20 , Blogger Graza disse...

Um Professor muito fora da àrea política em que me revejo, mas uma pessoa por quem tenho um enorme respeito, ainda que diga o contrário do que eu penso. Pode configurar-se nestas linhas que escreveu, a razão da minha admiração.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial