segunda-feira, maio 31, 2004

Ainda o Director-Geral dos Impostos

A propósito da opinião de Luís Nazaré, tenho que dizer que, se considera que a solução legal não é suficiente, por não dever a situação ser analisada apenas por esse prisma, por que razão não vem a público defender um novo quadro legal mais de acordo com as considerações que faz ?

Não queiram colocar éticas individuais (sim, porque cada um tem a sua, sejamos realistas...) acima da lei !

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial