quarta-feira, agosto 20, 2003

Notícias do dia

BAGDAD

O acto hediondo de ontem não merece quaisquer comentários. E, como bem aponta José Manuel Fernandes no PÚBLICO, Sérgio Vieira de Mello era obviamente o alvo a abater.
O que é agora um facto é que, por muito que se fale em várias causas do sucedido, ontem Bush ganhou a guerra. O atentado acaba por justificar a posteriori uma guerra sem razão de existir. E estou para ver, a partir de agora, quem vai ter a coragem de dizer que não aos norte-americanos em qualquer actividade "contra o terrorismo".
Mais uma vez, os extremistas só dão força aos seus adversários. "É o sistema", diriam outros.

Curvemo-nos entretanto perante a memória não só de Vieira de Mello, como também dos restantes mortos.


AINDA MAGGIOLO GOUVEIA

A propósito das declarações de Pedro Duarte sobre o assunto, Eduardo Dâmaso, em editorial no PÚBLICO de hoje, vem atribuir às organizações partidárias de juventude todos os males da vida política portuguesa.
Ora, não só não sabe do que fala, como se demonstra que é mais um dos envolvidos nessa teia altamente estranha que tenta castrar e desvalorizar toda e qualquer manifestação própria da juventude.
E, claro, com um sonho de fazer desaparecer aqueles que são os verdadeiros políticos, a substituir por académicos e intelectuais, pois supostamente por se ter um doutoramento nalguma área é-se logo o mais qualificado para tudo.

Enfim, mais um jornalista que odeia os políticos e a política. Muito embora a análise objectiva que faça sobre o infeliz argumento do "dividir os Portugueses" esteja absolutamente correcto.


A FRASE INFELIZ DO DIA

Medeiros Ferreira dixit: "Sem o Acontece, só resta agora o Jornal 2 para sair do sufoco deste Verão".

Das duas uma: ou se quer referir à overdose de notícias sobre os incêndios, e aí o que não falta são programas de televisão, hertziana ou por cabo, que não falem do assunto, ou então temos o eterno Deputado rendido à pseudointelectualidade.
Sem prejuízo do trabalho do Jornal 2. Mas, como sabemos, é o máximo dizer-se bem do Jornal 2.

E, quanto ao Acontece, o seu fim tem o mérito de matar uma vaca feita sagrada. Não vou ao ponto de ridicularizar Carlos Pinto Coelho como faz Filipe Nunes no http://paisrelativo.blogspot.com , mas de facto era mais um espaço de difusão da lógica "Cultura é a erudita". Algo que obviamente é de rejeitar.


LIMITES À ACTIVIDADE SINDICAL

A propósito das propostas do Governo nesta matéria, parece-me óbvia a intenção de limitar ao máximo a actividade dos sindicatos.

Pobre direita esta que sempre considerou como sua a lógica dos empregadores. Lembre-se que em Itália sempre existiu uma central sindical democrata-cristã. Emprego sem direitos é algo que não está assim muito distante da escravatura.

E ainda pior quando muitos jovens empregados dispõem-se a situações que os seus próprios empregadores perante uma palavra analisariam com bom senso e certamente reavaliariam...

Em qualquer caso, tendo o país um défice terrível de participação política e cívica, isto não augura nada de bom. Ainda que se admita que os créditos de horas actualmente existentes possam ser excessivos, haja bom senso.
Até porque o contacto com os trabalhadores exige o exercício de funções sindicais em horário laboral. Muito embora 99% dos sindicatos mal use as novas tecnologias e as oportunidades que dão para contactar com os trabalhadores.

SÓ o contacto com os diversos trabalhadores justifica os créditos de horas. Para trabalhar por uma qualquer outra associação, eles não existem. E daí que talvez o espírito das alterações não seja o correcto. Eles não deveriam ser com base na dimensão das empresas, mas com base na dimensão do sindicato.


RESTAURANTES

Hoje o PÚBLICO destaca as festas da Senhora da Agonia e menciona alguns restaurantes de Viana do Castelo. Com uma omissão grave. Apesar de se situar em Santa Marta de Portuzelo, o CAMELO é uma referência indelével naquela região.

Aproveito ainda para dar o devido destaque ao peixe grelhado do VELA 2 em Tavira, e ao péssimo serviço, pela demora, que é prestado pela Pizzaria DINOSELF na Ilha de Tavira. Porque as pizzas de facto são boas.

E ainda ! Festival de Marisco em Olhão ! Onde comi uma açorda de marisco excelente !

E pergunto-me eu: será que não se deveria abrir um blog sobre restaurantes ?

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial