sexta-feira, março 02, 2007

Bola de Cristal

Está tudo a correr como previsível:

1. Paulo Portas disponibiliza-se para ser candidato à liderança, impondo condições.

2. Essas condições não são satisfeitas (e Portas sabia que isso aconteceria).

3. Aparecendo como vítima, Ribeiro e Castro ganha o Congresso extraordinário (e Portas sabe disso, aliás, se afirmou a sua disponibilidade foi para garantir que não apareceria outro que ganhasse eventualmente a Ribeiro e Castro).

4. Ribeiro e Castro tem um resultado miserável nas eleições de 2009.

5. Paulo Portas declara que o CDS não tem mais razão de existir e funda um novo partido.

Esperem e verão.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial