segunda-feira, março 06, 2006

Gás Hilariante

Este artigo de Rodrigo Adão da Fonseca.

Na linha de Thatcher, a caridade é virtuosa e a solidariedade condenável. Discordo totalmente: tenho o meu direito de não ser nem querer ser bondoso nem querer ajudar os outros (e o Rodrigo também o tem).

É em defesa das pessoas que o Estado Social existe. E mais: recuso-me a querer impor morais tradicionais aos outros.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial