segunda-feira, março 19, 2007

Este homem é execrável

Aqui e aqui, Pedro Arroja mostra a vil pessoa que é:

1. Defende implicitamente uma redução dos salários e do nível de vida. Deve ser como o outro brasileiro que quando soube que aqui em Portugal as empregadas domésticas muitas vezes têm o seu próprio automóvel disse: "então mas que piada tem ser rico" ?

2. É decididamente racista contra o seu próprio povo, arrogando a superioridade dos países e das mentalidades do Norte da Europa contra designadamente a nossa.

Só me resta perguntar: porque é que não desaparece daqui de vez, já que isto tudo é tão mau e tão horrível para alguém tão iluminado e superior ?

Arroja, faça um favor a si próprio e ao país: MATE-SE !

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial