terça-feira, novembro 14, 2006

Idiotas de sentidos opostos

Por um lado temos o arcebispo de Braga a dizer que o concebido não é apêndice da mãe, mas antes uma realidade humana autónoma e, como tal, inviolável, convenientemente esquecendo que pelo menos há muitos séculos é precisamente a igreja de que é membro que sempre defendeu que os filhos são pura e simplesmente propriedade dos pais.

Por outro, temos Elton John a defender a ilegalização da religião organizada por considerar que por natureza promove a homofobia.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial