terça-feira, julho 06, 2004

Pampilhosa da Serra

Fora do mainstream das discussões políticas em torno da crise política, Vital Moreira escreve hoje, também no Público, um interessante artigo a lembrar as origens do conceito de «serviço público» que, desde as suas origens napoleónicas, «ganhou um significado muito preciso, como responsabilidade dos poderes públicos (Estado, municípios) pela prestação de certos bens ou serviços básicos a todos os cidadãos, a título gratuito ou oneroso, como condição essencial do bem-estar colectivo.»

A política de privatizações galopantes assente no pressuposto de que o que é privado é que é bom, tem passado o conceito de eficiência dos serviços da esfera do cidadão para a esfera económica.

Isto tudo a propósito de mais uma daquelas notícias aparentemente insignificantes, em que a empresa concessionária do serviço público de transportes rodoviários que serve a Pampilhosa da Serra anunciou ao município que cessará brevemente as carreiras para esse destino, a não ser que o município lhe passe a pagar uma avultada compensação pelas perdas que aquela alega ter com tal serviço.

Será serviço público assegurar que as empresas privadas terão sempre lucro?



1 Comentários:

Às 07 outubro, 2006 01:38 , Anonymous Anónimo disse...

Best regards from NY!
» »

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial