terça-feira, setembro 30, 2003

DESCUBRA AS DIFERENÇAS

Clara Ferreira Alves decidiu alinhar pelo âmbito de Maria Elisa, e vem dizer que Anna Lindh foi morta por ser mulher, factor ainda mais fundamental para o facto de ter sido esfaqueada e não, por exemplo, alvejada.

Daí parte para a defesa do mais bacoco feminismo. Que começa dizendo que o atentado a Anna Lindh foi um acto de ódio à Mulher.
O que me parece absolutamente óbvio é que, em primeiro lugar, há que descobrir se a motivação do atentado foi política ou não. E se o foi, como é mais que plausível, logo aí morre a ideia de CFA. Não o sendo, também nada prova o que defende.

Mas vai mais longe alegando discriminação sexual contra a mulher, fazendo esta brilhante citação, aplicada a certas situações facilmente identificáveis: " O homem é um malandro, a mulher é uma cabra".
Acaso a CFA já lhe ocorreu que noutras situações também de fácil identificação "A mulher é a coitadinha e o homem é o corno" ? Etc.





0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial